Showing posts tagged with: decoração
08out
DCI: Varejo de artigos de decoração faz do e-commerce uma vitrine para vendas
Clipping

Surgimento de um novo perfil de consumidor, mais exigente e conectado, empurrou players do segmento para o universo online; em 2017, o faturamento desse mercado atingiu R$ 54,1 bilhões

Frente às mudanças de mercado e a forte incursão das plataformas online no setor do comércio, varejistas de artigos para casa e decoração começam a enxergar no e-commerce uma oportunidade para acelerar as vendas tanto nos canais virtuais como físicos.

“Sem dúvida o comércio eletrônico é uma realidade para qualquer negócio. Nesse setor, o varejista tem que pensar nos consumidores sem tempo para ir até a loja ver o produto. O e-commerce pode ser muito mais consultivo para pesquisa de produtos nesse caso. Ainda há a necessidade de sentir o material pessoalmente”, afirmou a professora de economia especializada em varejo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Vania Dohme.

De acordo com ela, as lojas físicas de artigos de decoração vêm assumindo o papel de um ambiente de experimentação daquilo que o cliente viu no comércio eletrônico, o qual pode ser visto como uma “vitrine virtual.”

Em 2017, esse mercado como um todo movimentou R$ 54,1 bilhões no Brasil, com destaque para a região do Sudeste – responsável por 46,2% desse faturamento, segundo os dados da Associação Brasileira de Artigos para Casa e Decoração (ABCasa).

Segundo o presidente da entidade, Renato Orensztejn, no período pós-crise, os players desse segmento tem buscado se adaptar aos novos canais de venda por meio da ampliação de seus portfólios de produtos; apostando na especialização em nichos de mercados específicos.

Na prática

Um dos exemplos de negócio que está em linha com às visões de segmentação de mercado e crescimento da relevância do ambiente online nos negócios é a rede de lojas Tânia Bulhões, voltada para o comércio de louças. “As nossas vendas no e-commerce têm crescido muito em função do nosso investimento em campanhas nas redes sociais”, argumentou o CEO da rede, Marcelo Nogueira.

De acordo com o executivo, o comércio online é responsável por 20% das vendas totais do negócio. Para Nogueira, os aportes no ambiente online refletem também uma maior recorrência de clientes mais jovens nas lojas, gerando também uma reformulação no portfólio de produtos e embalagens da empresa. “Vemos a necessidade de colocar mais jovialidade para a marca”. O tíquete médio está em R$ 800.

Outra estratégia mencionada pelo executivo diz respeito às listas de casamento, que funcionam como um “catalisador” de vendas para o negócio, tendo em vista o foco em louças e pratarias. “Normalmente, quando a noiva ganha os nossos produtos já vira uma cliente. As madrinhas do casamento também tem, no geral, mais ou menos a mesma idade de quem está se casando”, disse.

Já o diretor administrativo da rede Breton, André Rivkind, afirmou que atende um público um pouco mais amplo e enxerga uma exigência maior dos consumidores em virtude do acesso à informação, independente da idade. “Nosso público pertence à Classe A e a faixa-etária é de 25 até 60 anos”, observou Rivkind.

O executivo diz, sem citar cifras, que o crescimento das vendas online vem evoluindo 50% anualmente. Mesmo com tal evolução, a representatividade do canal virtual diante das vendas totais ainda é pequena, cerca de 5%.

“O consumidor acaba vendo na nossa loja online e a conversão de compra acaba ocorrendo mais no ponto físico”, disse. Segundo ele, atualmente o e-commerce ainda está mais alinhado ao papel de vitrine.

Leia Mais


11set
Conheça a Doural CasaShopping, uma das finalistas da etapa nacional do Prêmio gia
Prêmio gia

A Doural é uma das cinco finalistas da etapa nacional do Prêmio gia, maior premiação mundial do varejo de artigos para casa. As escolhidas foram divulgadas durante a terceira edição da ABCasa Fair, entre 17 e 21 de agosto, em São Paulo (SP).

Única loja a vencer duas vezes o gia no Brasil – em 2011, com a unidade da 25 de Março, e em 2016, com a filial dos Jardins, dessa vez a Doural CasaShopping, que fica na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ), foi selecionada para concorrer ao prêmio.

Inaugurada em novembro de 2017, a loja tem 620 metros quadrados e conta com projeto dos arquitetos Fabio Bouillet e Rodrigo Jorge. São mais de 70 mil itens de cama, mesa e banho, objetos de decoração e design, tapetes, utilidades domésticas, cozinha, eletroportáteis, eletrodomésticos, organização e limpeza.

A unidade conta com instalações aparentes, concreto e decoração nos tons de cinza e amadeirados, oferecendo zonas de exposição com diferentes configurações, incluindo uma ilha de cozinha totalmente funcional, utilizada para cursos ministrados por chefs de cozinha.

Outro diferencial é o atendimento especializado voltado para profissionais previamente cadastrados, como decoradores, chefs de cozinha, designers e personal organizers. Já os estudantes de gastronomia contam com um desconto de 10% em toda compra, mediante apresentação da carteirinha.

“Escolhemos o CasaShopping porque não existe uma loja do setor na região que atenda a todo tipo de público, como a Doural. Além disso, a região está em constante crescimento e o shopping é referência em artigos de decoração e design, segmentos em que atuamos há mais de um século”, afirma Fernando Assad Abdalla, diretor da marca.

A Doural CasaShopping fica na Avenida Ayrton Senna, 2150, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ), funcionando de segunda a sábado, das 10h às 21h, e, aos domingos e feriados, das 15h às 21h.

Sobre o Prêmio gia

O Prêmio gia foi criado em 2000 pela IHA (International Housewares Association), sediada nos Estados Unidos. Realizado anualmente, acontece em duas etapas: nacional e internacional. A etapa nacional é realizada por uma publicação ou associação responsável em cada país – o que, no Brasil, fica a cargo da ABCasa.

Por aqui, entre 106 participantes de todas as regiões, foram escolhidas para a final da etapa nacional, em ordem alfabética, Doural, Maria Pia Casa, Pinheirense, Spicy e Tania Bulhões.

Todas as lojas inscritas foram avaliadas pelo corpo de jurados, composto por Angelo Derenze (diretor-geral do D&D Shopping), Cris Paola (arquiteta e diretora do Studio Cris Paola), Thaís Lauton (diretora de redação da revista Casa e Jardim) e Vitor Mardegan (diretor de Marketing e Planejamento da RedeTV!), nas seguintes categorias: Missão, Visão e Estratégia; Design e Layout da Loja; Visual Merchandising; Vitrines e Displays; Marketing, Publicidade e Promoções; Atendimento ao Cliente e Treinamento de Equipes; e Inovação.

A loja campeã será conhecida em evento fechado, promovido pela ABCasa no próximo dia 20 de setembro, no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo (SP).

A vencedora garantirá uma viagem para a feira International Home + Housewares Show, entre 2 e 5 de março de 2019, em Chicago, que sediará a etapa mundial do Prêmio gia, onde serão divulgados os cinco vencedores globais.

Leia Mais


08jun
Impressão 3D ganha espaço nos setores de arquitetura e construção
Inovação

Idealizada nos anos 1980, a impressão 3D deu um salto de qualidade, popularizou-se e ganhou espaço. A técnica, que permite criar um objeto físico com rapidez e precisão a partir de um modelo digital de computador, é cada vez mais utilizada e possibilita resultados como redução de estoque, agilidade em processos e serviços, além de economia e competitividade.

Impressão 3D

As criações possibilitadas pelas impressoras 3D vão de instrumentos musicais a chocolates, passando pela fabricação de próteses humanas, brinquedos e, até mesmo, casas. O universo de objetos que podem ser produzidos se limita apenas à imaginação de cada um.

O “boom” da tecnologia 3D barateou o preço das impressoras. Nos anos 1990, para que uma empresa tivesse um equipamento, teria que desembolsar cerca de um milhão de dólares. Trinta anos depois, em 2014, a tecnologia ganhou nova roupagem e uma impressora custava mil dólares. Estima-se que daqui a algum tempo, grande parte da população terá uma máquina dessas em casa, como hoje tem uma impressora de papel comum.

No mundo empresarial, são variados os setores que podem ser beneficiados e desenvolvidos com a adoção da impressão 3D: educação, medicina, odontologia, automotivo, indústria, plástico, entre outros.

A impressão 3D na decoração

Entre os setores de destaque, está o da arquitetura e construção, ligado aos segmentos de atuação da ABCasa, onde é possível abranger diferentes possibilidades de criação, como maquetes, esculturas, luminárias, lustres, vasos e molduras para quadros.

Por ser um celeiro de ideias, a utilização das impressoras 3D aquece o mercado. A técnica, cada vez mais aperfeiçoada, permite ao empresário por em prática, sem grandes obstáculos, seus sonhos e ideias, levando ao seu cliente um novo produto, competitivo e voltado para suas reais necessidades.

Imagine só poder tirar do papel um produto que surgiu em sua mente? Um calçado, uma luminária, um brinquedo, enfim, qualquer item que possa ser o diferencial da sua loja… Ou, ainda, ter a possibilidade de produzir peças para a criação de um item da sua empresa sem depender de terceiros.

O universo é grande e a tecnologia 3D só tem a agregar. Fique de olho!

Sabe onde encontrar as principais marcas, tendências e lançamentos do mercado de artigos para casa, decoração, presentes, utilidades domésticas, festas e flores? Na ABCasa Fair 2018, de 17 a 21 de agosto, no Expo Center Norte, em São Paulo. Estamos preparando tudo para oferecer o melhor ambiente para lojistas e profissionais fecharem excelentes negócios. O credenciamento é rápido e gratuito! Clique aqui e inscreva-se!

Leia Mais


07jun
Casa e decoração é o segundo segmento que mais vende no Mercado Livre
Economia

O segmento de casa e decoração ocupa a segunda posição como setor mais vendido no Mercado Livre. Os dados foram apresentados durante o Mercado Livre Experience, evento que acontece anualmente, onde são divulgados todos os dados de negócios da plataforma.

No setor, que ocupava a 14ª posição em 2011, o site registrou um aumento de 34% no volume de buscas na categoria quarto, enquanto cozinha registrou um aumento de 86%, de acordo com dados divulgados por Leila Lustre, gerente de casa e decoração do Mercado Livre.

Ela explica que essa mudança se deve aos espaços menores nas residências e apartamentos. Representando 9% do volume de buscas do primeiro trimestre de 2017, a cozinha se tornou a sala de estar, um ambiente mais democrático, perfeito para receber amigos e novos adeptos da arte gourmet. Os produtos que se destacaram foram mesa de quatro cadeiras, com crescimento de 439%; mesa redonda de quatro cadeiras, que teve aumento de 142%, e baquetas para cozinha, que cresceu 423%.

Nos quartos, que representaram 32% das buscas, os móveis que tiveram maior destaque foram: guarda-roupa modulado (153%); camas montessorianas (595%) e armários para banheiro pequeno planejado (1089%). A sala teve 26% do volume de buscas e a cadeira de escritório presidente teve aumento de 744%.

Esses dados apontam as pessoas que estão em um momento de transição, como troca de móveis ou mudança dos filhos, sendo que 18% delas estão mais propensos a comprar móveis e produtos de decoração, e 68% são propensos a comprar eletrodomésticos e eletro portáteis.

Móveis para espaços menores

Segundo a gerente, os clientes estão buscando móveis voltados para espaços pequenos: 49% buscam por expressões como “melhores móveis” e 105% por preço, promoção e descontos.

Entre os anos 2000 e 2010 houve um crescimento de 43% de pessoas morando em apartamentos, o que também contribuiu para o grande volume de buscas por móveis menores. “Existe uma migração recente dos jovens e idosos para casas e apartamentos com cômodos menores, e isso consequentemente refletiu no hábito de consumo e busca das pessoas”, explica Leila.

Os principais compradores de móveis para esses domicílios são os mais jovens e pessoas na faixa etária de 55 ou mais, sendo que mais da metade (52%) são mulheres (no e-commerce elas representam 66%), homens solteiros, casados ou que moram juntos.  Outros 35% são solteiros e 16% são casados e sem filhos. 73% dos casais sem filhos buscam itens como ar condicionado e 59% por home theater, enquanto 200% dos casais com filhos buscam por móveis para bebê e 160% por mobília infantil.

Para Leila Lustre, o momento é de oportunidade. Além dos consumidores estarem em busca de móveis menores, principalmente nas grandes capitais, como São Paulo (16% mora em apartamento ou casas menores, de até três cômodos), a realidade econômica dos consumidores brasileiros também é outro fator de grande impacto no comportamento da compra.

Sabe onde encontrar as principais marcas, tendências e lançamentos do mercado de artigos para casa, decoração, presentes, utilidades domésticas, festas e flores? Na ABCasa Fair 2018, de 17 a 21 de agosto, no Expo Center Norte, em São Paulo. Estamos preparando tudo para oferecer o melhor ambiente para lojistas e profissionais fecharem excelentes negócios. O credenciamento é rápido e gratuito! Clique aqui e inscreva-se!

Leia Mais


05jun
Expondo pela 19ª vez na Casacor, Marcelo Salum usa peças da 6F Decorações em seu ambiente
Associados

Marcelo Salum

O arquiteto catarinense Marcelo Salum assina o espaço “Alguma coisa acontece no meu coração” na 32ª edição da Casacor, que acontece até 29 de julho no Jockey Club de São Paulo (SP).

Ele utiliza muitas peças clássicas, cores sóbrias, como o verde escuro, harmonizando com itens dourados, madeira e, para a proposta desta edição da Casacor, muitas folhagens.

Dentre os objetos escolhidos para compor a decoração, utilizou produtos da 6F Decorações, associada da ABCasa.

“Essa parte da produção é uma das coisas mais importantes para um ambiente. Acho que não adianta ter uma boa arquitetura se não for produzida da maneira correta. Uma boa decoração vai levantar um projeto, que, às vezes, não é nem tão legal – ou então vai acabar com um projeto que é super legal. Nesse aspecto, a 6F é incrível, com essa curadoria que eles fazem, as peças que eles têm, importadas, eu adoro”, ressalta.

Sua mostra é carregada de referências à música brasileira, presentes nos detalhes, como em trechos de poesias de Chico Buarque bordadas na roupa de cama e toalhas de mesa.

“Eu sempre gosto de criar um personagem para habitar esses ambientes, que, na verdade é alter ego do meu escritório, então criamos toda uma poética em cima de São Paulo, como se a gente estivesse pedindo licença para entrar na cidade. Daí o lance da poesia”, destaca Salum.

Dentre as referências poéticas, está um trecho de “Samba e Amor”, de Chico Buarque, que diz: “Faço samba e amor até mais tarde/ E tenho muito sono de manhã/ Escuto a correria da cidade, que arde/ E apressa o dia de amanhã”.

Salum

“É essa coisa de São Paulo, a trilha tem toda essa relação com a cidade”, ressalta. “A concepção do ambiente, foi tudo muito rápido. O convite para fazer a Casacor aconteceu dois meses antes da realização da mostra, mas esse processo é delicioso. Trata-se da minha 19ª mostra, então já tenho bastante experiência”, finaliza.

Mais informações sobre a Casacor podem ser obtidas no site www.casacor.com.br.

Mais informações sobre a 6F Decorações podem ser obtidas no site www.6f.com.br.

 

Sabe onde encontrar as principais marcas, tendências e lançamentos do mercado de artigos para casa, decoração, presentes, utilidades domésticas, festas e flores? Na ABCasa Fair 2018, de 17 a 21 de agosto, no Expo Center Norte, em São Paulo. Estamos preparando tudo para oferecer o melhor ambiente para lojistas e profissionais fecharem excelentes negócios. O credenciamento é rápido e gratuito! Clique aqui e inscreva-se!

Leia Mais


Credencie-se para a próxima ABCasa Fair