Voltar a vender: reinvente-se!

Com a alteração total da rotina durante o isolamento social, que não tem previsão de acabar, o que podemos garantir é: o mundo nunca mais será o mesmo. Aqueles nossos modos de fazer e pensar, anteriores à pandemia, não existem mais. Além disso, as atitudes serão mais rigorosas, pois pensaremos muito antes de nos misturarmos em aglomerações e de nos deslocarmos apenas para passar o tempo novamente. Não vejo ninguém que terá a disponibilidade corporal (e tão calorosa) como tínhamos até então. Acredito que as máscaras vieram para ficar, como exemplo da cultura japonesa, pelo menos para alguns.

Mudanças bruscas, que no mundo inteiro levariam anos para serem implantadas, têm acontecido de um dia para o outro. Exemplos disso, muito próximos de todos, vêm do mundo on-line: quantas pessoas que nunca tinham usado um sistema de internet banking ou não sabiam como participar de chats e videoconferências agora já estão prontas e aptas para usar tais ferramentas?

Vários futuristas internacionais dizem que a pandemia funciona no presente como um “acelerador do futuro”, antecipando mudanças que já estavam em curso (embora a passos muito lentos), mas que agora, devido à necessidade, foram implementadas rapidamente.

E quais são essas tendências que os pesquisadores nacionais e internacionais do futuro têm traçado para o mundo pós-pandemia? Confira abaixo:

  • Nova geração de valores: menos será mais;
  • Engajamento em causas sociais: preocupação com o próximo;
  • Revisão dos hábitos de consumo;
  • Novas estratégias para reconquista do consumidor final;
  • Reconfiguração dos espaços de convívio e sociais: a distância de 1m será o novo próximo;
  • Cuidados com a saúde;
  • Novos modelos de negócios baseados em sistemas on-line e delivery;
  • Shows e espetáculos on-line;
  • Tours virtuais a museus ganharão mais destaque;
  • Reuniões familiares serão mais constantes por aplicativos;
  • Home office;
  • Sistemas de EaD – Educação a Distância e professores virtuais se consolidarão;
  • Mudança para endereço próximo ao trabalho, de modo a evitar o transporte público, será uma nova onda;
  • Shop streaming – lojas físicas e on-line que agora viram uma realidade;

E você? Pretende esperar pelo fim do confinamento e acha que as coisas vão se estabelecer exatamente como eram antes, com todo mundo agindo da mesma maneira?

Pensa comigo: “Se você tivesse que sair hoje na rua com tudo aberto, será que você sairia como se nada tivesse acontecido?”

Tenho certeza que não! Então vamos nos preparar para o “Novo Normal” ou “Novo Natural” que vem por aí.

Pense no distanciamento como seu aliado neste momento para se reinventar. Reorganize o seu negócio e também o seu espaço, livrando-se de produtos que não vendem. Faça uma doação e passe a vender somente o que você acredita ser necessário para o seu cliente. Lembre-se que o consumidor mudou e será mais seletivo.

As necessidades ainda existem. Porém, você terá que criar novas fórmulas para resolvê-las. O que você vai mostrar de NOVIDADE para o seu cliente quando ele voltar?

Reorganize sua loja ou estabelecimento, afinal ninguém mais deverá ficar muito tempo em um espaço de consumo. O ideal é que seus produtos estejam dispostos de forma a serem facilmente visualizados, escolhidos e comprados.

Deixe claro para o seu cliente que você se reinventou e se importa com ele. Apresente novas embalagens descartáveis, um novo sistema e, claro, use e abuse da tecnologia a seu favor. Além disso, lembre-se: um metro será a nova distância padrão entre as pessoas; álcool em gel deve estar sempre disponível, tanto na porta quanto no caixa; e, quando possível, mantenha os produtos embalados de forma que as embalagens possam ser descartadas e os produtos consumidos sem medo.

Não se esqueça de dar atenção especial à higienização. Deixe por todo o estabelecimento informes sobre as práticas de higiene que você adotou. E aproveite para mudar alguns hábitos, como a prova ou degustação de produtos. Faça com que os itens da loja possam ser levados e, caso haja a necessidade posterior de trocas, garanta uma nova higienização e também a devolução.

Aliás, falando em cuidados, sua equipe também terá que estar devidamente preparada. Treine o time para manter a distância de pelo menos um metro do cliente, higienizar as mãos com álcool em gel na chegada e manter, sempre que possível, a porta de sua loja aberta.

Para fidelizar os clientes, você precisará ter novas ideias para beneficiá-lo, seja qual for o seu ramo de negócio. É possível oferecer, por exemplo, um combo que inclua kit com desconto especial e degustação de alguns dos produtos da loja.

Você pode usar o on-line a seu favor, fazendo demonstrações de seu produto e da qualidade deste no seu app ou site. Conte histórias da origem e porque seus produtos devem ser utilizados. Leve uma mala dos lançamentos em primeira mão para que o cliente possa escolher em casa aquilo de que precisa. E não se esqueça de todos os cuidados visuais de higienização: separe os produtos em sacos plásticos, ponha uma carta que o torne especial e faça a entrega de seu produto de maneira surpreendente e deslumbrante.

Enfim, você terá que conquistar uma forma de confiança do seu cliente.


Entre em contato

shares
X